Suco verde - Leite da terra - receita básica





Suco verdeINGREDIENTES:
  • 2 maçãs fuji;
  • 1 cenoura
  • 1/2 pepino
  • 1 água de côco (opcional)
  • 2 folhas de couve manteiga (ou outras folhas)
  • Uma porção de sementes hidratadas
  • Spirulina (opcional)
MODO DE FAZER:
Colocar as sementes de quinua, girassol, linhaça, gergelim ou outra de sua preferência em recipiente de vidro com água durante 8 horas (na noite anterior). Pela manhã, escoar a água, descartando-a. Colocar uma água de côco no liquidificador. Se desejar, abra o côco, raspe a polpa e coloque no liquidificador. Colocar as sementes germinadas no liquidificador e bater por um minuto e meio. Desligar o liquidificador e colocar os demais ingredientes, todos cortados em pedaços médios ou pequenos

Suco verde no liquidificador
Ingredientes do suco verde no liquidificador, com a água de côco

Se necessário, especialmente se não tiver água de côco, utilizar um biosocador (cenoura ou pepino) para ajudar a socar a mistura em direção à hélice do liquidificador.
Bio-socador
Técnica do “biosocador” com pepino. Esta técnica é muito útil para soltar a água da maçã, do pepino e dos outros ingredientes, espacialmente se você não tiver água de côco.

Por último, coloque as folhas verdes de couve ou outras para bater e deixe bater por cerca de 2 minutos. Colocar a mistura para coar em pano de voal esticado numa tigela de vidro
Coador de voal, usado para coar o suco verde
Técnica de coagem do suco verde, utilizando rede de voal

Coar o suco
Suco verde coado
Suco verde coado
Coagem do suco verde. Observe o detalhe da mão que envolve o tecido para evitar o refluxo, enquanto a outra vai fazendo movimentos suaves.

Esse é o momento pra você fechar os olhos e mentalizar energias positivas para o suco. Se você estiver precisando de cura, mentalize o suco verde descendo pelo seu intestino, sendo absorvido pelas células intestinais e limpando o seu sangue e o seu terreno biológico.

Recolher o suco já coado, no liquidificador
Suco verde já no liquidificador
Recolhimento do suco verde no liquidificador. Cuidado para não derramar!

Se quiser colocar a spirulina, devolva um pouco do suco para o liquidificador, adicione a spirulina e bata em velocidade mínima. Devolva o suco batido com spirulina ao restante de suco que ficou na jarra. Não é necessário coar a spirulina. Caso deseje aproveitar o bagaço para fazer alguma receita, não utilizar o bagaço de folhas, pois é muito fibroso. Utilize só o bagaço das frutas e das sementes. Se quiser um suco com mais fibras, coe a mistura em um pano do tipo “forro de short de atleta”, que possui um diâmetro maior nos furos.

Está pronto o suco da luz, que pode substituir um café da manhã, limpa e mineraliza o sangue, libera líquidos retidos no corpo, promove a revascularização de tecidos, melhora a circulação sanguínea, reduz as prostaglandinas inflamatórias PG-2, traz bactérias benéficas para o intestino, reduzindo a quantidade de bactérias hostis. Possui notável efeito desintoxicante, e dessa forma, ocorre melhora da disposição e do bem-estar do indivíduo. O suco da luz deve ser tomado diariamente em jejum, pela manhã, todos os dias até o fim da vida.

Observação: Indicamos essa receita para iniciantes na alimentação viva, ou para crianças, pois o sabor é mais familiar e mais doce. Fale para as crianças que se trata de suco de maçã verde! Para aumentar o potencial anti-inflamatório, recomendamos fazer a receita do “suco verde com limão e gengibre”.

14/11/2013 - 08:58

Fonte: Semente N'Ativa

Palavras-chave: suco verde, suco da luz, spirulina

 
Telefone (61) 8141-2299 »  Skype: adrianogc2 Desenvolvido por Marcelo Coelho